A verdade do arroz

Quem Somos

A Álvaro Alves Borges, Lda. é uma empresa nacional, de cariz familiar, fundada em 1968 e que se dedica ao descasque, branqueamento empacotamento de arroz.

A empresa detém a experiência, o conhecimento e a tecnologia necessárias às exigências dos consumidores actuais. Para isso foram efectuados importantes investimentos em equipamento de armazenagem e transformação, que garantem um produto de elevada qualidade. A empresa está actualmente a implementar a norma ISO 9001:2008.

Se a tradição é algo intrínseco a Álvaro Alves Borges, Lda. a inovação e a sustentabilidade também, como demonstra a colaboração da empresa com a Universidade de Aveiro num estudo que deu origem a uma publicação científica recente na revista Water, Air, & Soil Pollution An International, intitulada “Valuation of Unmodified Rice Husk Waste as an Eco-Friendly Sorbent to Remove Mercury: a Study Using Environmental Realistic Concentrations” (acesso em DOI 10.1007/s11270-013-1599-9). Este tipo de trabalho é algo que a empresa pretende manter.

Actualmente, a empresa produz e comercializa duas marcas, Pérola e Dubom, distribuídas por todo o país, fornecendo desde armazenistas, médias e grandes superfícies a empresas de catering.

A Álvaro Alves Borges, Lda está preparada para responder às mais recentes necessidades de produção e embalamento de acordo com as necessidades e standards de qualidade para todos os segmentos de mercado.

É uma empresa versátil que se adapta bem às necessidades actuais de mercado, às exigências e preferências dos seus clientes.

História

Situada na Figueira da Foz, próxima da bacia do Mondego, zona tradicional de produção de arroz.

A tradição e a arte de produzir o arroz foram transmitidas ao longo das 4 gerações. Esta actividade foi iniciada no final do século XIX por Amadeu Alves Borges (1870-1959), avô do actual gerente. Este tinha uma azenha, usada para obter farinha de milho e descasque do arroz, em Maiorca junto aos campos de arroz na margem norte do rio Mondego. No início do século XX, o seu filho Álvaro Alves Borges montou, ainda em Maiorca, uma fábrica de moagem de cereais e descasque de arroz que iniciou a actividade a 1 de Abril de 1927. Sinal da dimensão desta unidade é que já usava como fonte de energia o gás pobre (gasogénio) e mais tarde, foi montado um gerador para fornecer energia à fábrica.

A empresa foi crescendo e foram feitas novas instalações e investimento em novos equipamentos com novas tecnologias na zona da Figueira da Foz. A fábrica foi montada junto à estação dos caminhos-de-ferro, para melhor distribuir o arroz, pois naquele tempo a distribuição era maioritariamente feita por comboio. Esta fábrica entrou em funcionamento a 14 de Outubro 1935 e dedica-se exclusivamente ao descasque e branqueio do arroz. Em Julho de 1958 foi efectuada uma remodelação e modernização de equipamento.

Em 1992 mudaram-se para as actuais instalações na zona da Brenha, saindo da cidade, melhorando a acessibilidade para a logística actual. Nestas instalações, foi efectuado novo investimento em modernos equipamentos e novas tecnologias para aumentar e automatizar todo o processo de armazenamento, descasque, branqueamento e empacotamento.

Actualmente, a 4ª geração está a apoiar a gestão da empresa e a manter a tradição da verdade do arroz.